Nossa equipe realizou esta semana uma entrevista com o jogador campeão mundial, Brazil Fernando “Fer” Alvarenga da Brazil Luminosity Gaming.

Conversamos um pouco sobre o futuro da equipe, sobre o TACO entre outros assuntos. Confira logo abaixo.

[TecnoHard] Fer, primeiramente queremos lhe dar os parabéns pelo título mundial e também por todo o sucesso conquistado até aqui. Qual a sensação em fazer parte de uma equipe que se tornou TOP 2 do mundo em menos de um ano?
[Fernando “Fer” Alvarenga] Obrigado Hmm, é bastante gratificante estarmos no TOP 2 do mundo, mas ao mesmo tempo sabemos que ainda falta mais. Pois nós continuamos famintos pelo TOP 1 e por mais títulos mundiais. E esse Major foi só o começo. E, como você mesmo disse, só temos 1 ano. Podemos imaginar o que teremos com 2 – 3 anos? Quem viver, verá! HAHAHA

[TH] Após a MLG Columbus, nós da TH vimos o quanto a comunidade Brasileira estava carente e ansiosa por mais um título mundial, afinal foram 10 anos de espera desde o título da MiBR e esse que fora agora conquistado por vocês da Luminosity Gaming. O que você tem a falar sobre isso?
[Fer] Começamos a jogar aqui fora, de verdade, no ano passado. A gente sempre soube do nosso potencial. E também sempre soubemos que o caminho para chegar ao topo, era disputar campeonatos e absorver o máximo de experiência possível em cada um deles. Quando mudamos a line-up, nós falamos para o mundo inteiro que em 2016 seríamos campeões mundiais. E assim fizemos. Eu fico muito feliz por fazer parte disso e poder dar alegria para todos os brasileiros e pros nossos fãs. O Brasil precisava disso. E o Brasil merece! Mas podem ter certeza, pois vamos atrás de outros títulos 

[TH] Para todo o jogador profissional o maior sonho é ganhar um Major, e creio que com você isso não seja diferente. E agora, quase 1 mês depois do título, já caiu a ficha que você é um Campeão Mundial? Como você se sente?
[Fer] Pra falar a verdade, para mim (FER) não mudou absolutamente nada. Não que não tenha mudado, sabe? Mas, para mim, ainda sou o mesmo de quando vim pra à 1 anos atrás, pois a minha vontade de ganhar ainda é a mesma. É muito legal ser campeão mundial, mas ainda me parece tudo igual 

[TH] Atualmente vocês estão batendo de frente com todas as TOP 10 do mundo (Na’Vi, Fnatic, Astralis, NiP etc.), e em algumas partidas vocês chegaram a fazer um placar bastante elástico. Você achou que algum dia isso iria acontecer?
[Fer] Sim, na verdade. Era tudo uma questão de tempo 

[TH] Após ganhar o Major, uma imagem que correu o mundo e que sensibilizou a todos, foi aquela em que você volta para o computador e chora de emoção sozinho. Ali naquele momento, o que passou pela sua cabeça?
[Fer] Não pensei em nada. Eu não gosto de chorar na frente de ninguém e quando vi que isso ia acontecer eu corri pro meu computador e apenas chorei. Não tinha entendido ainda o que estava acontecendo, mas quando peguei o troféu na mão eu vi que era nosso, foi demais para mim naquele momento.

[TH] O TACO, desde a sua entrada na LG, sempre foi muito criticado por muitos da nossa comunidade, porém nesse campeonato ele literalmente jogou o fino do CS, pois ele ganhou muitos rounds importantes, e a forma em que aquele último round vs Na’Vi na overpass aconteceu, foi muito simbólico para mim, pois ali ele mostrou todo o seu potencial. O que você tem para falar sobre ele, o TACO?
[Fer] O TACO é um jogador que muitas pessoas criticam. Mas, a grande maioria que critica, não entende de CS. Não entende o que é o verdadeiro Counter-Strike. No futebol, você tem uma câmera que consegue pegar o gramado inteiro. Ali você consegue ver quem roubou a bola, quem tocou para o outro, quem fez a assistência e quem marcou o gol. No CS, a maioria das pessoas só se importam com o GOL, mas esquece de todos os outros fundamentos necessários para isso acontecer. O CS não é estatística e nunca vai ser. O CS não é um jogador. Um time não é só o artilheiro. Pois o artilheiro não consegue fazer o gol sem que haja alguém para lhe passar a bola. E quando você tem um jogador com a maturidade pra entender isso, ele vai fazer a função necessária para que o GOL seja marcado, não importa por quem. Pois no final, quando fazemos a nossa rodinha com os 6 do time, nós sabemos quem é quem.

[TH] Essa é uma pergunta óbvia, mas eu tenho que fazer: Vocês agora vão correr atrás do bicampeonato mundial? Você acha que é possível?
[Fer] Se vetar cache, eu tenho certeza que é. HAHAHHAHAHA

[TH] Hoje em dia muitas pessoas consideram a Luminosity Gaming como a equipe mais completa, em questão de táticas e skill individual, do cenário mundial. O que você acha?
[Fer] Hmm, não sei. Isso é coisa pra analista. Eu sou apenas player 

[TH] Quais são os planos futuros de todos vocês do time? Pretendem chegar até aonde?
[Fer] O céu é o limite 

[TH] E agora, o que esperar da Luminosity Gaming em 2016?
[Fer] Estamos focados e famintos por vitória. Podem esperar uma equipe com vontade de vencer, como sempre estivemos. Estamos aprendendo cada vez mais a como nos preparar melhor para os campeonatos, e esse último campeonato (DreamHack Malmö) nos ensinou muitas coisas. E 2016 tem muita coisa ainda pra acontecer e eu espero estar no topo mais vezes 

[TH] Para finalizar, a nossa equipe gostaria de lhe agradecer pela disposição em nos conceder essa entrevista, sabemos o quanto você deve estar ocupado com os treinos e tudo mais. Gostaria de deixar uma mensagem para todos os fãs que acompanham vocês? Ou até mesmo para os haters?
[Fer] Vamos vetar cache HAHAHA
Obrigado a todos vocês que torcem pela gente, e para os haters, nada. Tenho coisa mais importante pra fazer. Beijo galeris

Siga o Fernando “Fer” Alvarenga nas redes sociais:
facebook twitter twitch snapchat site

COMENTÁRIOS